A Tétrade Elementar (Jesse Schell) ou os elementos básicos de um jogo

ElementalTetradAo realizar um estudo sobre game design, referenciei o trabalho de Jesse Schell, o ótimo livro “The Art of Game Design: A Book of Lenses” (lançado no Brasil pela Elsevier sob o título “A Arte de Game Design: o livro original”). Um conceito legal que ele descreve é a Tétrade Elementar (Elemental Tetrad), composta pelos quatro elementos básicos de um jogo: mecânica, história, estética e tecnologia (segundo o autor).

Schell indica que um elemento não é mais importante que o outro, pois cada um suporta o outro, e deve (ou deveria) estar presente em todos os jogos. Basicamente, temos o funcionamento do jogo (mecânica), a sequência de eventos (história), o áudio-visual e emoções (estética) e a mídia (tecnologia), sendo a estética o elemento mais visível para o jogador e tecnologia o menos visível.

Com essa relação, ele mostra a figura da Tétrade Elementar. Para aqueles que algum dia precise reproduzí-la (como eu precisei), estou deixando para download o arquivo que criei (MS PowerPoint 2007) para reproduzir a figura (contendo versão en-US e pt-BR). Por quê PPT? Porque achei que seria mais fácil e rápido aproveitar os recursos que o software oferecia para criar a figura, podendo posteriormente alterar texto, posição, tamanho, etc. sem muito trabalho. Sei também que muita gente que escreve artigos ou faz apresentações já possui e usa ferramentas similares.

Quem quiser se aprofundar mais no assunto, recomendo bastante o livro! Para a versão pt-BR, recomendo uma leitura cuidadosa, pois algumas traduções não ficaram boas (além de alguns erros aqui e ali).

Para download do PPT com a reprodução da figura, clique aqui.

Be Sociable, Share!

2 thoughts on “A Tétrade Elementar (Jesse Schell) ou os elementos básicos de um jogo

  1. Lázaro Raposo

    Este é um tópico muito interessante! De todas as frameworks sobre mecânicas, ou relacionadas com mecânicas a abordagem de Schell é das que tem mais aplicação direta na industria( ao invés de Koster, Juul, Sicart, entre outros…). Pena este artigo ser muito resumido. Fico a aguardar a versão extensa :)

    Reply
  2. André Kishimoto Post author

    Olá Lárazo,

    Realmente a abordagem do Schell é muito boa e bem aplicável na prática. Esse texto era mais pra deixar o link para o PPT com a tétrade elementar, talvez eu reserve um tempinho pra aprofundar mais no assunto (só que ainda não me comprometo nesse momento…)

    Abraços e obrigado pelo feedback!

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>